Cores, Sabores e Texturas - Desafiando o paladar

Autor: Luciellen Eufrasio de Carvalho Ferreira
Escola: EPG Manoel Rezende da Silva
Alunos: Ensino Fundamental (6, 7 e 8 anos)
Cidade: Guarulhos
Ano: 2016
Objetivos do projeto: conhecer e saborear novos alimentos, usando os cinco sentidos para se alimentar

Sou Luciellen Eufrásio de Carvalho Ferreira, tenho 30 anos e dez de magistério. Minha escola, a EPG Manoel Rezende da Silva, é situada no Parque Residencial Bambi, em Guarulhos (São Paulo – SP), um bairro praticamente rural.

Iniciamos este desafio ensinando os cinco sentidos aos alunos, que aprenderam que não apenas sentimos o gosto da comida, mas que precisamos utilizar todos os sentidos para identificar se gostamos ou não de um determinado alimento.

No primeiro momento, passei um vídeo para eles sobre o paladar. Expliquei aos alunos cada um desses sabores, como identificar e associar os alimentos às suas características, utilizando o dicionário para explicar o significado dessas palavras, que eles desconheciam.

Fizemos várias seções de experimentação, com diversas salas em cooperação, e, ao final de cada etapa, escrevíamos em nosso caderno os sabores, cores e texturas experimentadas, para depois transcrever para o dicionário que confeccionamos.

1° seção – Experimentamos um bolinho de arroz e espinafre que nossa sala fez, incluindo alguns alunos de outra turma do 1º ano. Depois experimentamos o espinafre puro para eles pudessem conhecer o sabor e entender que o alimento pode ser saboroso dependendo do modo de preparo.

2° seção – Eu levei morangos maduros para a escola e fizemos um iogurte caseiro com a fruta.

3° seção – Pedi para que os alunos provassem sabor, cheiro e textura de diversas frutas.

4° seção – Eu levei para a escola um bolo de milho natural que fiz em casa, para que os alunos experimentassem e descrevessem todas as características degustativas do bolo.

5° seção – Nós fizemos um piquenique no pátio da escola junto com outra turma, permitindo que as crianças tivessem mais contato com frutas, lanches saudáveis e alimentos in natura. Com essa atividade, eles puderam comparar, qualificar e classificar os alimentos.

6° seção – Experimentamos uma salada com verduras e temperos da nossa horta.

7° seção – Finalizamos o dicionário de cores e sabores. Dividi a sala em grupos para poderem transcrever os sabores, cores e texturas que sentiram nas experimentações para o produto final.

Avaliação

A avaliação foi contínua em cada parte do processo, em cada atividade, na interação, nas rodas de conversas e como os alunos reagiam a cada nova história ou experimento. Os alunos corresponderam muito bem a cada etapa desse desafio demonstrando compreender os assuntos que foram abordados.

Quem participou?

  • Cozinheiras
  • Agente escolar
  • Professores
  • Alunos de outras turmas
  • Direção da escola
  • Pais

Desdobramentos

Foram trabalhados os cinco sentidos, em especial o paladar, a escrita espontânea e correção ortográfica do texto.

Expectativas

Espero que meus alunos comecem experimentar novos alimentos em casa, apreciem o sabor dos alimentos com mais calma, permitindo que o ato de comer seja mais saboroso e apreciado por toda a família.